Mais recentes

Notícias

› Cuidado: Somente instituições credenciadas podem efetuar o recadastramento do RNTRC

 Sitran diz que transportadores estão sendo enganados por “mal intencionados” que cobram valores indevidos

Chapecó (14.4.2016) - Toda a frota nacional de caminhões precisa efetuar o recadastramento do Registro Nacional de Transportador Rodoviário de Cargas - RNTRC. O documento obrigatório é exigido pela Agência Nacional de Transportes Terrestres - ANTT e legaliza a atividade de transporte de cargas em todo o país. O recadastramento está sendo feito observando o cronograma estabelecido com base no final da placa do caminhão.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Carga e Logística de Chapecó - Sitran está devidamente credenciado para efetuar o recadastramento dos associados e não sócios. No entanto, “pessoas mal intencionadas” estão “ludibriando os transportadores”, alerta o presidente Deneraci Perin. Existem pessoas sem autorização cobrando valores por empresa “o que não é permitido”. Os transportadores devem pagar apenas duas taxas por placa. Uma de R$ 131,00 (caminhão com motor) e outra de R$ 106,00 (carreta). Qualquer valor, além destes, “é totalmente indevido, por isso irregular”, diz o dirigente sindical.

O Sitran recomenda aos transportadores que procurem um escritório de contabilidade, os respectivos sindicatos de cada categoria (transporte de cargas e autônomos) ou o site (sitran.org.br) para buscar informações e encaminhar o recadastramento. Diante de cobranças acima das taxas, a empresa, além de estar sendo orientada a não pagar, deve fazer a denúncia junto a ANTT pelo telefone 166.

Próximo - O recadastramento dos registros com final 4 inicia nesta sexta-feira (15) e final 5 dia 22 de maio. Após seguem os finais 6, 7, 8, 9 e 0 nos respectivamente nos meses de junho, agosto, setembro, outubro e novembro. O Sitran sugere aos transportadores que não deixem para cumprir o compromisso de última hora. A rapidez na efetivação do registro evita atropelo.

Foto: Perin chama atenção dos transportadores para não renovarem os registros com quem não está credenciado

Assessoria de Imprensa SITRAN



Todos os direitos reservados ao SITRAN - (49) 3323-3704 Clipweb